Olavo Sul convida moradores de Indápolis e Formosa para inscrições em programa de lote
Olavo Sul iniciou tratativas junto ao diretor-presidente da Agehab, Diego Zanoni Fontes, para que outros distritos também recebam o Lote Urbanizado
Foto: Assessoria
04/05/2023 08:19

 

O vereador Olavo Sul (MDB) convida moradores dos distritos de Indápolis e Formosa, além da região, para realização de cadastro e de correção de cadastro ao programa Lote Urbanizado da Prefeitura de Dourados. Haverá um mutirão por meio da Agehab (Agência Municipal de Habitação) nesta quinta-feira (4) em Indápolis e na sexta-feira (5) em Formosa. Os servidores municipais vão orientar e efetuar as inscrições dos interessados em participar do programa.

O mutirão vai acontecer das 8h às 11h. Em Indápolis será na escola estadual Joaquim Vaz de Oliveira e na Formosa na escola municipal Padre Anchieta. “A ação tem como objetivo criar um cadastro atualizado e qualificado para os interessados em participar do programa de lotes. Será também uma oportunidade para aquelas pessoas que já se cadastraram a corrigir as informações apresentadas", explica o vereador Olavo Sul. O primeiro mutirão ocorreu em fevereiro.

Para concorrer ao programa, o interessado deve ter renda familiar entre dois a cinco salários mínimos - R$ 2.640 a R$ 6.600. A renda é um dos critérios porque o beneficiado terá dois anos para construir a casa após receber o lote. Autônomos podem se inscrever, bem podem ter o nome inscrito na composição da renda familiar.

Para quem deseja fazer a inscrição ou atualizar o cadastro, é preciso levar os seguintes documentos: RG (ou outro documento de identificação válido); CPF; Título de Eleitor (município de Dourados); Carteira de Trabalho ou Holerite (para quem tem registro); Extrato do INSS (Auxílio Doença, Benefício de Prestação Continuada (Bpc-Loas), Aposentados Ou Pensionistas); Documentação que comprove estado civil: Solteiros/Conviventes – Certidão de Nascimento; Casado – Certidão de Casamento; Divorciado – Certidão de Casamento com a Averbação do Divórcio; Viúvos – Certidão de Casamento e Certidão de Óbito;  Filho(a) menor(es): Certidão de Nascimento ou Identidade; Comprovante de Residência – Conta de Energia; Laudo Médico com Cid-10 em caso de deficiência/doença. Se casado(a) ou convive necessária documentação do(a) cônjuge/companheiro(a).

OUTROS PROGRAMAS

Olavo Sul explica que, nesta etapa, poderão concorrer apenas os interessados em lotes. "Não medirei esforços para conseguirmos um programa habitacional com casas populares, como já ocorreu no passado. Vou buscar apoio junto aos deputados federais para que isso volte a ser uma realidade", diz o vereador.

A construção de moradias populares é um projeto mais amplo e depende de uma parceria entre os governos municipal, estadual e federal. O Lote Urbanizado é um programa exclusivo da Prefeitura de Dourados e destinado para o público com renda de dois a cinco salários mínimos.

Olavo Sul iniciou tratativas junto ao diretor-presidente da Agehab, Diego Zanoni Fontes, para que outros distritos também recebam o Lote Urbanizado e que futuramente tenham programa de moradias. "Inclusive agradeço ao secretário por disponibilizar a equipe dele, mais uma vez, para a realização do mutirão em Indápolis e Formosa", diz o vereador, que também agradece os diretores Luiz Flores e Rosinéia Moreno que cederam o espaço das escolas para realização dos cadastros.

 

 

Texto/Fonte: Assessoria