Marcelo Mourão quer melhorias no funcionamento do parquímetro

11/02/2019 06h11 - Por: Assessoria

 
Marcelo Mourão vai propor o aumento do prazo para regularização das multas (Foto: Leandro Silva) Marcelo Mourão vai propor o aumento do prazo para regularização das multas (Foto: Leandro Silva)

O vereador Marcelo Mourão (PRP) cobrou na tribuna da Câmara, na segunda-feira (4), melhorias no funcionamento do parquímetro da área central de Dourados. Uma de suas propostas é o aumento do prazo para regularização de multas para no mínimo 10 dias.

"Precisamos enfrentar a questão do parquímetro. Você não encontra os funcionários para comprar o crédito, vai fazer suas obrigações e quando volta ao carro, a multa está lá. Está chegando às casas das pessoas cinco pontos a menos na carteira de motorista e mais de 156 reais para pagar. Não podemos assistir calados aqui esse descalabro da falta de atenção da empresa que explora esse serviço e que está brincando com a nossa inteligência. Se falta pessoas, contrate mais pessoas. Onde estão essas pessoas? Onde você encontra os créditos para comprar, para resolver?", questionou Marcelo.

Por meio da Agetran, ele teve acesso ao contrato firmado em 2016 entre a prefeitura e a empresa, que determina que sejam mantidos 68 atendentes após transcorridos 15 meses da assinatura do contrato, cláusula que não está sendo cumprida.

Outra questão que o parlamentar abordou é o pouco tempo, de 48 horas, que os usuários multados têm para quitar o débito e regularizar a situação. Ele exemplificou o caso de pessoas que vêm de outras cidades buscar tratamentos de saúde em Dourados, são multadas, mas não podem voltar em dois dias para regularizar sua situação.

Entre outras medidas, Marcelo vai protocolar na Casa de Leis uma proposta visando aumentar o prazo de regularização de multas para no mínimo 10 dias.

A multa para quem estaciona em desacordo com a regulamentação é de R$ 156,18, considerada infração grave com a perda de cinco pontos na carteira.

Durante a sessão, ele já encaminhou um requerimento à Prefeitura solicitando informações sobre o número de funcionários desde a implantação do novo sistema de parquímetro até agora e quantos estão na ativa, de férias e afastados.