Comissões Processantes darão prosseguimento à investigação na Câmara de Dourados

13/03/2019 00h07 - Por: Assessoria

 
 
Vereadores votam relatório prévio de duas comissões processantes [Foto: Thiago Morais] 
Vereadores votam relatório prévio de duas comissões processantes [Foto: Thiago Morais]

Após discussão e votação em Plenário na Câmara Municipal de Dourados, as comissões processantes que analisaram os pedidos de cassação dos vereadores afastados Idenor Machado e Denize Portolann, darão prosseguimento às investigações. A votação ocorreu durante sessão ordinária nesta terça-feira, 12, por unanimidade.

Durante a sessão, o vereador Junior Rodrigues (PR) leu o relatório prévio da denúncia 146, de Idenor Machado. Dos 19 vereadores, dois estavam impedidos de votar, Toninho Cruz (PSB) e Marinisa Mizoguchi (PSB), e 17 parlamentares aptos não aprovaram o relatório, dando prosseguimento à investigação na Casa de Leis.

Quanto à denúncia 150, de Denize Portolann, o vereador Maurício Lemes (PSB) leu o relatório prévio da denúncia e, em seguida, foi realizada a votação com 18 votos pelo prosseguimento, tendo um impedimento, vereadora Lia Nogueira (PR).

A partir desta decisão, o presidente de cada comissão processante designará o início da instrução e determinará os atos, diligências e audiências que se fizerem necessários.